Compositoras
Switch to English

Ernesto Lecuona

Piano
Piece
Dança
Valsa
Suíte
Canção
Habanera
Mazurca
Prelúdio
Rhapsodies
por popularidade
3 Miniaturas3 Valses (3 Valsas)AndalucíaAnte el Escorial (Antes do Escorial)AragónAragonesa (Aragon)Canto del guajiroDanzas afro-cubanasDanzas cubanasDanzas cubanas al estilo del siglo XIXEstampas infantilesGranadaLa habanera (A habanera)Mazurka glissandoPreludio en la nocheRapsodia negraSan Francisco el GrandeZambra gitana
Wikipedia
Ernesto Sixto de la Asunción Lecuona Casado (Guanabacoa, 6 de agosto de 1895 – Santa Cruz de Tenerife, 29 de novembro de 1963) foi um pianista e compositor cubano.
Era irmão de Ernestina Lecuona Casado.
Filho de um jornalista espanhol radicado em Cuba, começou a estudar piano com sua irmã, Ernestina. Foi uma criança prodígio. Realizou seu primeiro recital aos cinco anos de idade, e aos treze, compôs sua primeira marcha, intitulada Cuba y América.
Estudou música no Peyrellade Conservatoire, com Antonio Saavedra e Joaquín Nin. Graduou-se no Conservatorio Nacional de la Habana e, aos dezesseis anos, conquistou uma medalha de ouro por sua interpretação. Fora de Cuba, começou sua carreira em (Nova York) e continuou seus estudos na França, com Maurice Ravel. Lecuona foi o introdutor da orquestra latina nos Estados Unidos da América.
Junto a Gonzalo Roig e Rodrigo Prats, formou um dos mais importantes trios de orquestra, especialmente da zarzuela, o estilo mais significativo na carreira de Lecuona.
Entre suas obras, destacam-se Canto Siboney, Damisela Encantadora, Diablos y Fantasías, El Amor del Guarachero, El Batey (1929), El Cafetal, El Calesero, El Maizal, La Flor del Sitio, Tierra de Venus (1927), María la O (1930) e Rosa la China (1932); as canções Canto Carabalí, La Comparsa e Malagueña (1933), pertencente a Andalucía; Danza de los Ñáñígos e Danza Lucumí; a óperaEl Sombrero de Yarey, a Rapsodia Negra para piano e orquesta, assim como sua Suite Española.
Morreu em Santa Cruz de Tenerife, nas Ilhas Canérias, durante uma vista à antiga moradia de seus pais. Seu túmulo localiza-se no cemitério Gate of Heaven, em Hawthorne, Nova York.
Ernesto Lecuona tornou-se personagem do romance La isla de los amores infinitos (Grijalbo, 2006), da escritora cubana Daína Chaviano. Também a epígrafe do livro ("Estás en mi corazón, aunque estoy lejos de ti") é o verso inicial de canção "Siempre En Mi Corazón", uma de composições mais conhecidas de Lecuona.
Para Piano
Valsas
Outras canções